segunda-feira, 2 de abril de 2018

Minha vida é minha mensagem

O errado é errado
Ao fazer um balanço de sua existência, e ser questionado sobre que mensagem deixaria para a Índia, o grande Mohandas Gandhi afirmou: Minha vida é minha mensagem.

O grande pacifista não escolheu palavras, não escolheu lições, não escolheu fórmulas. Deixou seu exemplo, seus passos, sua vida.

Os exemplos são mais fortes do que dizeres, são mais fortes do que escritos e do que receitas.

Quando alguém é capaz de viver sua própria mensagem, ele se torna mensageiro e mensagem ao mesmo tempo. Ele se torna força e fortaleza simultaneamente.

Deixar a vida como mensagem é seguir o caminho da consciência em paz que, ao fim do dia, com segurança, sem subterfúgio algum, pode dizer que não deve nada a ninguém.

A vida como mensagem ainda vai além do não dever. Ela alcança também a esfera da afirmação: Fiz tudo que estava ao meu alcance.

A ação faz-se necessária para que cresçamos. Não basta não fazer o mal. É preciso fazer o bem, amar, aparar arestas, reforçar os laços, emitir luz para todos os lados.

Pais e mães devem se esforçar ao máximo para serem mensagens vivas para seus filhos. Isso não requer perfeição, pois ainda não está ao nosso alcance. Requer apenas atenção aos passos, seriedade nos compromissos, observação dos erros, para que com eles se aprenda.

Pessoas que têm certa visibilidade no mundo, artistas, políticos, líderes, todos esses precisam estar atentos à fala de Gandhi.

Todos trouxeram o compromisso com multidões, pois suas ações, suas palavras, sua maneira de viver são copiados por muitos.

Mesmo em esferas menores, por vezes, somos referência para muitos que percebem nosso exemplo, que notam nossos valores, e vão reparar se o que falamos é diferente daquilo que vivemos.

Se em todo trabalho de Gandhi na África do Sul e depois na Índia, ele tivesse se exaltado uma só vez, tivesse utilizado de violência em uma única oportunidade, toda sua mensagem estaria comprometida.

Porém, isso não ocorreu. Ele foi capaz de levar socos e sofrer violências morais sem necessitar de revide. Ele ofereceu a outra face em todos os momentos, lembrando um outro grande Mestre que também fez de Sua vida Sua mensagem.

Jesus, ao contrário do que muitos falam, não morreu para nos salvar. Ele viveu para nos dar o roteiro de salvação para nossas vidas.

Sim, Seu exemplo é o grande roteiro que nos deixou, sua grande mensagem, a ponto do homem que deseja se transformar em verdadeiro agente do bem se autoinquirir diariamente:

O que Jesus faria em meu lugar? O que Ele faria nesta mesma situação?

As respostas não são fáceis e simples, é claro, mas a pergunta, por si só, é poderosa, e é meio caminho da jornada.

*   *   *

Seja a mudança que você quer ver no mundo. – Disse, um dia, o grande libertador da Índia.

Se desejamos ver o mundo transformado, comecemos conosco esta mudança.

Como estamos? Melhor que ontem? Preparados para a Nova Era? Dispostos a ser homens de bem?


Redação do Momento Espírita.
Em 27.11.2015.

Gif
Deixa-me passar
Gif
Vida
Gif
Para refletir
Gif
As melhores coisas da vida
Gif
Selecionar
Gif
Quando deixei
Gif
A vida é feita de escolhas
Gif
Gentileza gera gentileza
Gif
Tempo duvidoso
Gif
Conselhos do dia
Gif
Que todas as lágrimas
Gif
Somos livres para decidir
Gif

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço a visita!
Muitas bênçãos para você!
Com estima,
Myrna.